Participe do webinar “A Convergência do Presentismo e do Futurismo” em 10/dez! INSCRIÇÕES GRATUITAS
Espro beneficia colaboradores durante período de home office

Espro beneficia colaboradores durante período de home office

O período de pandemia por conta da Covid-19 exigiu uma série de adaptações por parte das organizações, bem como das pessoas que integram o quadro de funcionários. Preocupados com o bem-estar dos colaboradores, estamos realizando diversas ações de apoio para o #TimeEspro, tais como doação de mobiliário, auxílio financeiro para luz e internet e empréstimo de cadeiras.

“É muito bacana trabalhar em uma instituição onde o colaborador é surpreendido. Farei ótimo uso, veio em bom momento. Meu sentimento é de gratidão”, afirmou a analista de recrutamento, Valéria Santana das Neves ao ser contemplada com itens de escritório.

As doações de mobiliário, encerradas na terça-feira (03/11), foram um sucesso. Quase 60 colaboradores tiveram interesse e puderam escolher entre os cerca de 400 itens disponíveis, tais como armários, arquivos, estações de trabalho, gaveteiros, mesas de reuniões, entre outros. As peças eram parte das instalações da antiga sede administrativa do Espro, na Consolação, em São Paulo.

“Tudo que a gente recebeu serviu para ajudar a mobiliar as novas instalações da nossa igreja, que conseguimos inaugurar no meio da pandemia, foi um desafio. Fiquei muito grata em ter conseguido porque agregou um valor muito grande”, comentou a analista de faturamento, Maria Kryslane de Souza.

Outras ações – O Espro realizou entre junho e agosto uma pesquisa para entender melhor como os colaboradores estão lidando com a vida pessoal e o trabalho em home office. O estudo revelou que 83% tiveram experiências positivas com a modalidade. Além disso, 59%, indicam se sentirem mais produtivos e 66% afirmam que após a experiência, ainda gostariam de trabalhar remotamente em alguns dias da semana ou do mês.     

Também ocorreu auxílio para custeio de luz e internet aos mais de 500 colaboradores. Na primeira fase, de março a maio, o subsídio foi de R$ 114 mil, e de junho a agosto R$ 129 mil, totalizando R$ 243 mil. Outra medida importante adotada em todas as filiais espalhadas pelo Brasil foi o empréstimo de cadeiras durante o período em que a instituição permanecer em home office.

Compartilhe:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments