Projeto “O Espro que eu vejo” expõe trabalhos na unidade Maria Borba

Projeto “O Espro que eu vejo” expõe trabalhos na unidade Maria Borba

A exposição “O Espro que eu vejo” chega à sua terceira edição, apresentando trabalhos e manifestações artísticas, produzidos pelos adolescentes e jovens de São Paulo, aos colaboradores da matriz. A visitação acontece no auditório (1º andar) e ficará aberta até o dia 7 de maio, das 8h30 às 17h30.

O projeto, desenvolvido pela filial São Paulo, alia criatividade e integração dos jovens com o estímulo de expressarem como avaliam o Espro. Foram produzidos 149 trabalhos durante os meses de março e abril e mais de 30 foram selecionados para serem expostos.

Todos estão convidados a prestigiar o rico material composto por cartazes, vídeos, maquetes, murais, entre outros – alguns foram inspirados nos 40 anos do Espro. Vale muito a pena conferir!

Compartilhe:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments