Parceria de treinamento e capacitação com o grupo AVRA

Parceria de treinamento e capacitação com o grupo AVRA

Em busca da melhoria constante da equipe de Acompanhamento (DDS) e Central de atendimento presencial da Filial São Paulo, foi realizada uma parceria de treinamento e capacitação com o grupo AVRA. O objetivo destes encontros é promover, através de ferramentas práticas e teóricas, uma jornada por autoconhecimento e percepção do outro, para que o acolhimento e as abordagens feitas pela equipe de Acompanhamento e Central de Atendimento estejam cada vez mais eficientes e adequadas às necessidades de nossos jovens aprendizes. Estão previstos quatro encontros que seguirão a mesma linha temática. O primeiro ocorreu no dia 28 de novembro do ano passado, e o ocorrido no dia 20 de fevereiro foi o segundo, com a temática “Programa saúde integral", como comunicar melhor as nossas necessidades com as outras pessoas”

O grupo Avra se mostrou uma excelente parceria para este objetivo. Esta ONG, fundada pela engenheira Laurie Vidoi, que inclusive dirigiu as atividades nos dois encontros realizados, e que tem por objetivo maior a educação empreendedora, ou seja, educar para dar independência, a própria inspiração no nome AVRA, que se refere ao ditado popular “Não dar o peixe, mas ensinar a pescar”, demonstra a missão dessa ONG, cujos educadores participam ativamente na formação de alunos empreendedores.

“Como atuo na área de acompanhamento, o encontro foi muito importante para eu entender melhor as necessidades dos jovens que atendo. Como muitas vezes essas necessidades não são claras nem para eles mesmos, a reflexão sobre o problema com certeza indicará novas soluções, comentou, Leticia Pinheiro, acompanhamento FIA. 

Nas atividades realizadas, foram abordados temas que auxiliarão a equipe nas atividades realizadas com as turmas. A abordagem passou por questões simples, mas que aguçam a percepção das analistas, psicólogas e equipe de atendimento. Os pontos de reflexão trazidos nas atividades foram o momento de revisitar e repensar a prática cotidiana: Como reconheço minhas necessidades e a dos outros? Como me relaciono evitando o conflito? Como formulo minhas perguntas? Como conectar as necessidades e alinhar as divergências?

“As atividades propostas pela Avra, estão vindo de encontro com as nossas necessidades, porque são apresentadas novas percepções e formas de lidar com as situações do dia a dia, onde, estamos acostumados a ter respostas automáticas e não se atentar a real causa das necessidades das pessoas e as nossas próprias." afirmou, Leandro Natividade, analista da central de atendimento polo Liberdade.

As dinâmicas trazidas pela equipe do AVRA foram um dos pontos altos da palestra. Foram realizadas atividades interativas onde os participantes foram levados a interpretar os pontos em comum de suas conviniência com as necessidades dos outros. Um grande exercício de empatia! Houve também o World Café como conceito de comunicação, um momento de escrita reflexiva sobre nossas necessidades imprescindíveis, dramatização sobre o conceito de empatia e por fim, uma grande troca de experiências e histórias enriquecedoras. 

Este foi um encontro baseado na troca, e na capacidade de apuração, Afinal, um olhar mais humanizado e atento as necessidades trazidas pelos jovens são um dos segredos que fazem o Espro atuar de forma tão significativa na vida deles.

Compartilhe:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments