Jovens da Fecap Largo São Francisco aderem o Maio Amarelo

Jovens da Fecap Largo São Francisco aderem o Maio Amarelo

Quando o assunto são as questões sobre o que ocorre no trânsito, fica evidente a importância de se aplicar medidas preventivas e de conscientização. Seguindo essa linha, a unidade Espro Fecap Largo São Francisco, em parceria com a empresa RTE Rodonaves, aderiu ao movimento Maio Amarelo.

A ação é uma inciativa do poder público e da sociedade civil que busca estimular atividades voltadas à conscientização no trânsito. Aprovado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o tema deste ano foi “No trânsito, o sentido é a vida”.

Palestra – Desta forma, no dia 30 de maio, gestores da empresa estiveram na Fecap e realizaram palestra com enfoque na segurança no trânsito e direção defensiva. Na oportunidade cerca de 130 adolescentes e jovens puderam receber orientações sobre como encarar e se portar para que todos tenham uma mobilidade mais segura na cidade.

          

“Gostei muito, achei interessante, pois muitos não sabiam vários assuntos que foram retratados, o que é mito e verdade. Tudo que foi relatado é importante para nos tornarmos motoristas melhores no futuro”, disse Vitoria Aparecida Lima Segato, da turma 8632.

Com boa didática, os gestores trouxeram um estímulo diferente aos futuros condutores, além de orientações sobre a postura correta dos pedestres e passageiros. Também foi ressaltada a construção e o desenvolvimento de atitudes éticas para trilhar um caminho onde todos tenham consciência dos seus deveres e responsabilidades no trânsito.

“A palestra foi bastante importante porque ela procurou nos conscientizar que não podemos dirigir pensando apenas no nosso conforto e segurança, mas que também devemos pensar na segurança das pessoas ao nosso redor”, afirmou Giovanna Guedes Pereira, da turma 8732.

     

Importância – Iniciativas desse tipo são cada vez mais importantes por conta de estatística crescente de acidentes de trânsito, sendo uma das causas que mais matam pessoas no Brasil. Fica evidente também a importância de uma orientação preventiva, por meio de atitudes simples de motoristas, motociclistas, ciclistas, pedestres e pessoas que utilizam meios de transportes.

“Excelente conteúdo apresentado aos jovens. No momento estou aplicando Segurança do Trabalho na atividade teórica e conseguimos relacionar com as sinalizações no trânsito quanto a segurança dos pedestres e dos futuros jovens motoristas”, destacou a instrutora, Ana Lemes.

Compartilhe:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments