Espro - Ensino Social Profissionalizante

Educa, Transforma, Inclui.

São Paulo (Matriz) Tel. 11 2504-1174

  • São Paulo (Matriz) Tel. 11 2504-1174
  • Rio de Janeiro Tel. 21 3513-6400
  • Belo Horizonte Tel. 31 3506-1900
  • Curitiba Tel. 41 3075-2750
  • Recife Tel. 81 3424-8166
  • Brasília Tel. 61 3226-1512
  • Campinas Tel. 19 3722-0004
  • Porto Alegre Tel. 51 3085-5707
Início do conteúdo

23/Set - Fala Aprendiz! Determinação leva ex-Aprendiz à Paris, antes mesmo de concluir curso de graduação no Brasil

Com 20 anos e muita vontade de vencer, a ex-Aprendiz Tamires Ribeiro Reis é mais um exemplo de transformação. Desde o momento em que decidiu qual carreira ia seguir, Hotelaria e Turismo, ela começou a pesquisar sobre possíveis oportunidades na área. Foi em uma dessas buscas, que a jovem soube das inscrições para o reconhecido programa que proporciona o ingresso de jovens de baixa renda, no mercado hoteleiro, o Youth Career Initiative, Educando para a Vida (YCI). “Quando eu vi a chamada para o curso, não pensei duas vezes em me inscrever! Passei na primeira fase, em seguida na entrevista e, logo, eu já estava trabalhando no Renaissance”, conta Tamires. 

Assim que terminou o prazo da capacitação via YCI, a jovem - que já atuava na área de Compras do Renaissance - foi orientada por seu gestor a procurar o Espro e iniciar um dos programas oferecidos pela instituição para aprimorar os conhecimentos na rotina corporativa e assim garantir uma vaga de Aprendiz no hotel.“Eu já tinha identificado o que eu queria, não poderia continuar, pois não tinha iniciado a faculdade. Foi então, que o próprio hotel me indicou procurar o Espro. Foi o que eu fiz e não me arrependo”, comenta. Segundo ela, assistir aos treinamentos foi muito importante para que ela pudesse saber mais sobre a rotina corporativa. 

Logo após a capacitação no Espro, a jovem prestou vestibular em Hotelaria e Turismo e, ao concluir o primeiro ano trancou sua matrícula, pois teve a oportunidade de mudar para a França, onde a mãe já está há um ano trabalhando para uma família de franceses que morava no Brasil. “Por coincidência, o patrão da minha mãe trabalha na área de Turismo e Hotelaria e me incentivou a ir para lá”. Agora, a ex-Aprendiz aguarda o visto de estudante para dar continuidade aos estudos na Europa. 

Desde maio deste ano, ela já se matriculou em um curso direcionado a estrangeiros para aprender a falar o idioma francês. Segundo ela, assim que conseguir se comunicar com os franceses, ela vai buscar uma capacitação na área em que quer seguir carreira para conquistar uma vaga no Renaissance ou outro hotel da mesma categoria. “Por conta do meu desempenho, eu tenho grandes chances de conseguir uma indicação do Renaissance Brasil para uma vaga em Paris!”, comemora. 

Sobre a experiência no Espro, ela destaca a competência dos instrutores Renata Ribeiro e Carlos Eduardo, o Cadu. “Eles me ajudaram muito, até mesmo na questão do idioma. Sempre me diziam ser muito importante falar outra língua, principalmente na área em que eu queria atuar. Foi por isso que eu procurei um curso de inglês e hoje, ao chegar na França, eu busquei aprender primeiro o idioma local, inspirada  nas orientações que recebi durante o curso. “ Espero que minha história motive os jovens que acabam de chegar no Espro. Jamais devemos desistir dos nossos sonhos”.

 

Fim do conteúdo (Clique neste link para voltar ao início do conteúdo) Voltar ao topo da página (Menu principal)